Banner
Parabolica


Parabólicas

Tigre no sufoco
A diretoria do Ipatinga demitiu o técnico Emerson Ávila após a derrota feia para o Brasiliense e hoje vai de técnico interino, Gerson Evaristo para chacoalhar diante do Juventude. Não sobe e nem desce, essa é a atual situação do Tigrão. Se vencer logo mais à noite conquista três pontos e afasta de vez o rebaixamento. O Ipatinga tem 4% de chance de ser rebaixado.

Motoqueiros
Aqui na coluna estamos sempre alertando para os acidentes fatais com motoqueiros. Mesmo com todo cuidado eles vêm acontecendo diariamente em Ipatinga e toda região. O motoqueiro é diferente do motociclista. A diferença está na maneira de conduzir o veículo de duas rodas. O motoqueiro abusa da legislação de trânsito. Não obedece, não respeita os motoristas, trafegam, de qualquer modo, ultrapassam por todos os lados, não ocupam a parte central da pista, ultrapassam o sinal vermelho, nos cruzamentos invadem sem medo e coloca em risco a vida de outras pessoas. É comum no trânsito de Ipatinga você ver coisas impossíveis feitas por motoqueiros. Falta responsabilidade, consciência, amor à vida. Assim são nossos motoqueiros. Um lembrete: “A vida não tem replay”! 

Política municipal
Na próxima terça o TRE terá uma resposta para a cidade de Ipatinga. Será julgado o mérito do recurso de cassação do Sebastião Quintão. Qualquer que for o resultado certamente não agradará a gregos e troianos. Uma nova eleição ainda não poderá ser marcada se o requerente Quintão perder o mérito nessa ação. Ele terá ainda o julgamento do TSE. Uma nova eleição só será marcada depois de esgotados todos os recursos possíveis.
Caso haja uma nova eleição, o prefeito interino corre o risco de não poder concorrer ao cargo. O Ministério Público está apurando denúncias de irregularidades em seu governo, sendo acusado de improbidade administrativa.

Período de chuvas
É bom a população ficar muito atenta a esse período chuvoso. Vigilância total depois que a chuva passar. Não deixe água parada. As larvas do mosquito da dengue evoluem e se tornam o próprio mosquito. Verifique na sua casa, vasos, garrafas vazias com o bico para cima também acumulam água. Tampinhas recipientes, plásticos, latas, pneus, qualquer material que retém água. Lotes vagos, abandonados, denuncie. A dengue mata!

Invasão das calçadas
Matéria de capa em uma das nossas edições, um leitor liga para a redação e volta a alertar que o problema não foi resolvido no Bom Retiro. Na rua do Industrial, um hotel ocupa toda a calçada com material, mesas e cadeiras, vendas de produtos de bar, estacionamento no passeio e outros abusos. Os fiscais da PMI estão sendo chamados no local. Em outras ruas do mesmo bairro, esse tipo de abuso contra o patrimônio público e com as pessoas é constante, normal. Onde estão os fiscais que não multam e exigem a retirada das coisas ilegais?

 
Parabólica

Ipatinga indefinida

Continua o imbróglio político na cidade. No julgamento de quinta no TRE e TSE os juízes deixaram tudo como antes. No TRE o recurso de Quintão terá voto minerva do presidente na próxima quinta-15, com o empate de 3 a 3 e no TSE os agravos de Rosângela e Robson. A cidade continua nas mãos dos tribunais até a próxima quinta-feira. Se perder no TRE, Quintão vai entrar com um pedido de mandado de segurança para voltar ao cargo de prefeito e aguardar o julgamento do mérito pelo TSE no comando. Alega o prefeito afastado que em outros municípios ocorre a mesma situação e os prefeitos estão no cargo aguardando julgamento, Timóteo é o mais recente exemplo.

 

Sem campanhas

Para os cabos eleitorais, correligionários, puxa-sacos, filiados, partidaristas, aqueles que defendiam um “troco”, foi péssimo a suspensão da campanha. Muitos já estavam fazendo planos, esfregando as mãos, de olho numa boquinha na PMI. Só que todos os candidatos, presidentes de partidos, deputadas, vereadores, lideranças, tinham conhecimento dos recursos pendentes nos Tribunais Superiores e que novas eleições só seriam ou não marcadas, depois que o mérito desses processos fossem julgados. Portanto não há o que se lamentar, principalmente quando se fala em indignação!

 

Marina Silva

A senadora Marina Silva ex-PT agora PV esteve em Ipatinga para uma palestra sobre sustentabilidade, o que convenhamos, foi mais uma vista política de apoio a candidatura. Como a senadora está em alta após deixar o PT, muita gente foi ao Parque Ipanema para ver a mulher passar. Só que políticos ainda ligados ao PT lá também estiveram para manifestar apoio as candidaturas se houver eleições extemporâneas em Ipatinga. Algumas dessas figurinhas carimbadas estão migrando para o PV o que certamente não está sendo visto com bons olhos por muita gente do PV. É o tal do inchaço que mata a sigla como já ocorreu em outros partidos. Políticos que não agregam nas bases, ao contrário, desagrega e desestrutura o partido. Aos poucos vão se tornando donos da sigla no município, introduzindo pessoas sem comprometimento com o partido até matá-lo de vez. Olho vivo pessoal! Esses são iguais ao  Zeca Pimenteira, do Zorra Total, seca tudo!

 

Comerciários rindo a toa

Com o ganho salarial a partir deste mês, sendo assim, até o 5º dia útil de novembro já estarão recebendo o dim dim reajustado. O salário comercial que era de R$ 490,00 passou a ser de R$ 534,00. Quem ganha acima do piso terá 9% de aumento. Além desse reajuste são muitos os benefícios que o Seci oferece aos seus filiados, tanto na área de saúde como na área trabalhista que vai até o social e descontos em convênios.

 

Selo verde

A Usina de Cubatão atende às mais rigorosas exigências ambientais européias relativas a produtos. Plano foi elaborado com base no trabalho realizado em Ipatinga para a obtenção da mesma certificação. Com isso a empresa acaba de reafirmar seu compromisso com a sustentabilidade por meio da conquista, pela usina de Cubatão, da certificação de conformidade de sua linha de produtos à Diretiva Européia RoHS (Restriction of Hazardous Substance) e à ELV (End of Life Vehicle Act), lei européia para veículos em final de vida útil. Ambas visam proteger o solo, a água, e o ar contra poluição, por meio de restrição de uso de determinadas substâncias, tais como  chumbo, mercúrio e cádmio.

 
Parabólica

Pleito adiado

Para nós do Classivale a suspensão do processo eleitoral marcado anteriormente pelo TRE, não nos causou nenhuma surpresa ou indignação, tão pouco estranheza. Há varias edições, o nosso semanário vinha alertando para o fato de que novas eleições não poderiam ocorrer, enquanto tivesse um processo para ser julgado no TSE ou STF, envolvendo os candidatos Quintão e Chico. O TRE marcou novas eleições confirmando as cassações de primeira instância com base nos processos julgados pela sua corte e não restando nenhum outro em seu poder para ser julgado, esgotando todos os recursos. Só que no TSE e STF ainda se encontram recursos dos dois candidatos, em instância superior. Dessa forma, o TRE deveria ter enviado à corte do TSE a sua decisão antes de marcar novas eleições. O que seria mais coerente antes de promover todo esse imbróglio. São esses desencontros que deixam o povo ainda mais desconfiado, descrente, à mercê das brechas das leis. Mineiro é ressabiado, desconfiado por natureza, por tradição, Uai!

 

Carros adesivados

Com a paralisação da campanha eleitoral de Ipatinga, as empresas de adesivos e gráficas perderam no faturamento com a suspensão da campanha. Já que falamos em carros adesivados, por que será que em todos os carros da campanha de uma candidata só tem a foto dela e não tem do seu vice? Aliás, todo o material de propaganda da candidata só mostra a foto dela. Será que o vice não pode aparecer? Mistério!!! Já dizia aquela personagem da novela Tiêta, a Perpétua, interpretada por Joana Fon.

 

Panfletagem

Assim que foram suspensas as eleições extemporâneas em Ipatinga, começaram a surgir vários panfletos na cidade contando os “podres” de cada candidato; de cada componente de chapa. Os nomes envolvidos foram os de Quintão, Rosângela e Robson Gomes. Lene Teixeira está em outro foco, é vista com outros olhos na briga interna do PT pela família Ferramenta, incluindo os “chiquistas”, aqueles que seguem o nome, nunca a ideologia do partido. Os panfletos acusatórios trazem assinaturas dos partidos. Essa lavação de roupa suja em público tem uma vantagem: o leitor se vê diante dos fatos negativos de cada um, de certa forma, de alguma verdade até então só restrita a alguns militantes e imprensa. Quando a verdade aparece a população fica cada vez mais sem saber quem é o bom nessa história.

O foco ficou mais evidente com esses ataques tomando lugar das campanhas depois que o processo eleitoral foi suspenso. Muita coisa ainda vai rolar e o povo tomará conhecimento de novos informativos criticando este ou aquele candidato, tornando-se público aquilo que se oculta de baixo do pano. É a política ou politicagem ao modo brasileiro de ser. A verdade é que os políticos estão cada vez mais desacreditados que se o voto não fosse obrigatório, o povo não iria nem votar, grande maioria não compareceria às urnas. Enquanto isso as propostas e projetos para uma cidade melhor continuam sendo deixados de lado.

 

Entre tapas e beijos

Em Fabriciano o refrão que está na boca do povo, sendo o mais cantado é “Entre tapas e beijos... se de dia agente briga, a noite agente se ama...”. Depois de muitas brigas e discussões sobre a implantação do Parque Linear, no final foi feito o acordo entre Legislativo e Executivo e o projeto votado e aprovado.

 

 
Parabólica

Eleições

Tem apoiador de campanha que está com a família em várias frentes de candidaturas. Um casal por exemplo está em duas. O marido muito conhecido nos meios políticos pela sua capacidade de puxa-saco e baba-ovo, é igual a andorinha, não sabe onde posa, ou melhor voa de acordo com seus interesses pessoais, defendo o seu emprego de “aspone”; está apoiando o candidato que o seu ex-chefe por quem ele nutri o maior amor está apoiando. Já a sua mulher está do outro lado carregando no peito a estrela vermelha. Pois é, política assim mesmo! Cada um olha o seu lado e o povinho, óh!!!

 

Chapa quente

Quando dissemos aqui na coluna na semana passada que a chapa ia esquentar essa semana, ela já tá fervendo. Pedidos de impugnação de candidaturas estão na mesa da juíza; até o fechamento da edição não havia resultado dos pedidos de impugnação. A briga pelo poder está cada vez mais acirrada nos tribunais. Enquanto isso o eleitor continua fazendo papel de bobo nas ruas, papel de otário. Espera-se que a Justiça Eleitoral seja “dura lex e sede lex” com aqueles que estão em dívida com a justiça. Estão brincando com coisa séria!

 

Gatinho no Ipatingão

O Tigre vem passando por uma transformação biológica e mutável. De fera felina para gato de armazém, gato de madame. Dentro de seus domínios o time do Ipatinga se porta como um gatinho fresco, mansinho, de sofá de madame. Em certos jogos ele tem o comportamento de gato de armazém, fica dormindo em cima do saco, ou seja em campo. Como o time está na intermediária precisando de mais 28 pontos em 12 jogos para assegurar a permanência na Série B, quem sabe nos próximos jogos em casa, o gatinho volta a viver os seus dias de Tigrão?

 

Gesto para a torcida

Foi de muita infantilidade o gesto obsceno que o jogador Francismar do Ipatinga fez para a torcida, apontando o dedo médio em sinal de protesto pela vaia que ele ouviu pelo fraco futebol que ele apresentou em campo. Pegou mal para quem chegou e foi recebido com carinho e aplaudido em sua estréia. Ô luta, hein? Diria o nosso Francismar do Show Riso, pessoa da melhor qualidade, ótimo profissional do teatro, artista de primeira grandeza.

 
Parabólica

CIDADANIA HONORÁRIA

Também estou com o Classivale na opinião sobre esta questão de cidadania honorária. Os critérios devem ser melhor observados. Com relação ao cheque de R$1,3 milhão entregue pela Câmara ao prefeito Robson Gomes para início do projeto Olho Vivo não se refere a 2008. Isso é apenas uma parte do que está sendo economizado neste período da gestão Nilton Manoel. Aliás é dele a proposta da implantação da vigilância eletrônica na cidade, anos atrás, quando alguns parlamentares achavam que isso era utopia. Se puder, para esclarecer ao seu leitor, ficaremos gratos. Joel Souto - ACS - AMVA.

 

Curiosidades

Você sabia que a primeira mulher que chegou a Ipatinga foi Efigênia Queiroz? E que a primeira adolescente que chegou em Ipatinga foi Isaura Maria de Lima - Dona Naná, em 1934, e que mais tarde se tornaria a primeira mulher mãe, de Ipatinga? Que o primeiro casamento registrado no cartório de Ipatinga foi do casal Elviro da Silva e Maria do Carmo Silva, livro 1, folha 1, dia 29/05/55? Que um dos construtores das primeiras lojas da Av. de abril, foi José Andrade?

 

A chapa tá esquentando

A partir de hoje, nas ruas, bairros, praças, rodinhas de amigos, aposentados, curiosos, trabalhadores em seus setores diversos, nas escolas, repartições públicas, na esquina dos aflitos, por toda parte, só se fala de política, candidatos, eleições! Com o calor que está acima dos 30 graus, temperatura comum na cidade, é certo que o termômetro vai subir nos próximos dias, a chapa vai esquentar de vez!

 

Ambulantes

Está crescente cada vez mais o número de vendedores ambulantes em Ipatinga. No centro e em vários bairros, a cada esquina um vendedor. No bairro Horto, no período da noite, próximo à Faculdade Pitágoras, as ruas estão tomadas de barracas e carrocinhas com topo tipo de comida e lanches, bebidas, muitas das quais, sem o mínimo de higiene. A reclamação parte dos comerciantes instalados na área que pagam impostos e obedecem as exigências da Vigilância Sanitária. Tá dado o recado. Alô alô vigilância municipal, alô fiscalização.

 

Das trevas à Luz

Morador agradece a Cemig pela troca de lâmpadas na avenida Galiléia, no bairro Canaãzinho. O leitor Joaquim Bento, há algumas semanas, pediu socorro aqui na coluna reclamando sobre a precária e deficiente iluminação na avenida Galiléia. Elogiou a mudança e lembra que na rotatória próximo à praça e na rua Jó, também carecem de trocas de lâmpadas. Sugeriu uma iluminação especial nos viadutos da cidade. Fica registrado o seu agradecimento à Cemig pelo trabalho. Iluminação também é segurança pública.

 

Manchete de um jornal local

“Caminhão que transportava cavalos capota na Rio-Bahia: três feridos vão para HMC”.

 
<< Início < Anterior 1 2 3 4 5 Próximo > Fim >>

Página 3 de 5